Sindicato

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Metalurgicas Mecânicas e de Material Elétrico de Pato Branco e Região Sudoeste do Paraná

Notícias

AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE REFORMA DA PREVIDÊNCIA

 Nesta sexta-feira (31), no plenário principal da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), às 9h, a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa do Senado Federal, Força Sindical do Paraná, demais centrais e frentes de entidades de carreira pública (veja abaixo) realizam a “Audiência Pública sobre a Reforma da Previdência (PEC287/16)”.

 

Além de lideranças politicas da casa o debate, de proposição do deputado Requião Filho (PMDB), vai contar com a participação dos senadores Roberto Requião (PMDB-PR), Gleisi Hofmann (PT-PR) Álvaro Dias (PV-PR), e Paulo Paim (PT-RS) e também do ex-ministro da Previdência, Carlos Eduardo Gabas.

 

A Audiência faz parte da campanha “Todos contra o fim da Aposentadoria”, lançada no facebook em março deste ano e que em menos de 20 dias já conta com mais de 420 mil seguidores.

O objetivo é aprofundar o debate e expor os riscos da proposta do governo federal que eleva para 65 anos a idade mínima para a aposentadoria e exige 49 anos de contribuição para receber o beneficio de forma integral. Caso aprovada, a PEC 287/16 pode decretar o fim da aposentadoria.

 

Campanha Todos contra o fim da Aposentadoria

 

Para deixar claro o descontentamento da população com a reforma do governo, foi lançada no Facebook no inicio de março a campanha “Todos contra o fim da Aposentadoria”. A pagina já conta com mais de 420 mil seguidores.

 

CLIQUE AQUI para curtir e compartilhar a página da campanha!

 

 

70% dos brasileiros sem aposentadoria

 

Segundo o coordenador de relações sindicais do Dieese, Fausto Augusto Júnior, se a PEC 287, do governo e que trata da reforma da Previdência, for aprovada do jeito que está, o brasileiro terá que trabalhar até morrer. "De um ponto de vista bem objetivo, estamos falando que vamos deixar em torno de 70% da população fora do sistema previdenciário”, afirma Fausto.

 

A afirmação de Fausto fica clara analisando atentamente a proposta do governo. Ao impor a idade limite de 65 anos para a aposentadoria e tempo de contribuição de no mínimo 49 anos para o aposentado ter direito a receber 100% do valor do benefício, o governo deixa claro que não quer que ninguém se aposente.

Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Pato Branco e Região Sudoeste do Paraná

Av. Tupi, 4129 - Cristo Rei - Pato Branco - Pr - Fone/Fax 46 3223-2976 | 46 3223-5549